Prefeito Ricardo Mascarenhas visita áreas atingidas por chuva e diz buscar ajuda junto ao governador Rui Costa

Após a tempestade que atingiu a cidade de Itaberaba, na tarde de ontem (04), a prefeitura iniciou o trabalho de limpeza nas ruas centrais da cidade e nos bairros mais atingidos pelas chuvas.

A chuva atingiu com muita intensidade o município, o Bairro Vida Nova Itaberaba (Predinhos) centenas de casas foram destelhadas causando prejuízos aos moradores.

No caso dos Predinhos, os moradores poderão acionar a Caixa Econômica Federal (CEF) para solicitar o seu seguro habitacional, pago junto com o financiamento do imóvel. O prazo para reclamar é de um ano, e ressarcimentos podem ser solicitados na Justiça.

A CEF deve recompor o imóvel como foi contratado diante dos danos causados pelas chuvas, caso o financiamento ainda esteja vigente. Entre os danos que o seguro cobre estão alagamentos, destelhamento e desmoronamentos causados por chuvas ou qualquer acidente meteorológico.

O prefeito Ricardo Mascarenhas visitou a comunidade do bairro Vida Nova Itaberaba esta manhã, acompanhado pela vice-prefeita Maria José Novais, além dos secretários municipais de Governo, Davi Sampaio, de Infraestrutura, Evandro Novaes, e de Ação Social, Lívia Oliveira, além do ouvidor-Geral do Município, Lucas Hayne.

“Ficamos preocupados porque a chuva de ontem, todos viram, foi fora do comum. Parecia mais uma tempestade. Assim que ela passou, nossas equipes foram para as ruas para avaliar a situação. Felizmente, apenas danos materiais”, disse o prefeito Ricardo Mascarenhas esta manhã, em visita ao Vida Nova Itaberaba.

O prefeito informou ainda que já solicitou apoio ao Governo da Bahia para a recuperação das vias danificadas, tanto na cidade quanto na zona rural do município. “Estamos esperando, ainda hoje, a chegada de um técnico do Governo do Estado para ver de perto os estragos causados pela chuva”, pontuou o prefeito. ( Chapada Noticias com Informações da Secom-Ita)

 

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

%d blogueiros gostam disto: