Cinema na Roça exibirá filmes em 12 povoados da zona rural da Chapada Diamantina

Quatro anos após sua primeira edição, a caravana de cinema itinerante Cinema na Roça volta a erguer sua tela em 12 povoados situados na zona rural dos municípios de Ibicoara e Iramaia, no sul do Território Chapada Diamantina. Neste fim de semana, o projeto fará sua primeira passagem nos povoados de Mundo Novo (sábado, 07) e Cantagalo (domingo, 08), ambos no município de Ibicoara.

A Mostra de Cinema Na Roça é um projeto contemplado pelo Edital Setorial de Audiovisual do Fundo de Cultura, com apoio da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb/SecultBA), que visa difundir as produções cinematográficas não veiculadas em canais convencionais de televisão, e plataformas digitais como o youtube, para o público da zona rural. Serão 96 exibições de cinema, preferencialmente ao ar livre, que trará em sua programação destaques de filmes nacionais e produções baianas, incluindo sessões voltadas para o público infantil.

Além das sessões de cinema, também haverá oficinas de filmagem e edição em aparelhos celulares para a produção de um “Filme da Comunidade”, com imagens que serão coletadas e selecionadas pelos participantes, para exibição ao término da mostra em cada povoado nos locais de execução do projeto.

A mostra teve início em março deste ano, e se estenderá ao longo de seis meses, objetivando proporcionar a experiência do cinema para as pessoas das comunidades e oportunizando o acesso a produções culturais, com intuito de promover a difusão cinematográfica e a interação social nos povoados.

“No caso da produção audiovisual nacional, ainda existe uma imensa carência de salas de cinema para exibição nas médias e grandes cidades, e no interior elas são inexistentes”, revela Andréa Mostaço, proponente do projeto.

“Sem o apoio dos Editais Setoriais, projetos como o nosso, voltados exclusivamente para o público rural e de baixa renda, são praticamente impossíveis de serem realizados. Embora nosso público seja ele mesmo mote para inúmeras produções audiovisuais, é também o que tem menos acesso a elas”, afirma Andréa.

A curadoria do projeto de cinema itinerante busca selecionar cuidadosamente os filmes, de forma que possam produzir reflexões e reconhecimento para o público, contribuindo assim para a valorização da identidade cultural de cada comunidade.

“Focada na difusão do audiovisual brasileiro, a Mostra Cinema na Roça 2018 traz uma programação eclética, com produções de vários estados brasileiros, e temáticas capazes de despertar o interesse de diversas faixas etárias,” finaliza a proponente.

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais. Para mais informações, acesse: www.cultura.ba.gov.br

www.portaldafolia.com www.portaldabahia.com

Participe do Nosso Grupo no Whatsapp

  Siga o Chapada Noticias no Twitter, Instagram e Facebook e fique por dentro de todas as novidades.

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

Fale conosco
%d blogueiros gostam disto: