PRF revela queda de 16% de acidentes na Bahia em 2017

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou hoje (29) o resultado do estudo realizado pela instituição sobre os acidentes ocorridos nas rodovias federais da Bahia em 2017.

O levantamento traz informações sobre trechos de estradas mais críticos, faixas etárias mais atingidas, causas presumíveis e tipos de acidentes mais comuns, entre outros.

Em 2017, foram registrados menos acidentes do que em 2016, saindo de 5.408 para 4.549, o que significa uma queda de 16%. Retrações parecidas aconteceram também no número de acidentes graves – com feridos graves e mortos.

O balanço revela que 29% dos acidentes foram provocados pela falta de atenção dos condutores. Logo depois vem a velocidade incompatível (acima do permitido), com 14,19%, seguida das ultrapassagens indevidas (12,14%).

Analisando o número de acidentes desde 2007, a PRF observou uma tendência de crescimento em que, se não fossem implementadas as medidas de fiscalização e planejamento a partir de 2012, “poderíamos chegar a 2017 com alarmantes 15.198 acidentes por ano”, diz o texto do documento divulgado à imprensa.

De acordo com o estudo, essa tendência, caso fosse mantida, levaria a Bahia a ter mais 10.452 acidentes graves no acumulado entre 2012 e 2017.

Dessa maneira, a PRF estima que os casos evitados no período geram uma economia de R$ 1.011.207.901,08, considerando o custo de R$ 96.747,79 por acidente com vítima, levantado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA).

Leia a íntegra do documento:

Visualizar o Balanço

www.portaldafolia.com www.portaldabahia.com

Participe do Nosso Grupo no Whatsapp

Curta nossa Pagina no Facebook.

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco