Policiais justificam sumiço de 540kg de maconha apreendida: ‘Ratos comeram’

Cerca de 540 quilos de maconha sumiram de uma delegacia em Buenos Aires, na Argentina. A inconsistência na quantidade de droga apreendida foi notada durante uma transição de comando da delegacia de Pilar.

Eram 6 toneladas de maconhas apreendidas e separadas para incineração no papel, mas na prática só tinham 5,46 toneladas. Três oficiais responsáveis que foram ouvidos na investigação afirmaram que a maconha “foi comida pelos ratos do depósito”.

A justiça investigou o caso e um relatório feito por especialistas chegou à conclusão de que era improvável que os ratos tenham comido a droga porque “se tivesse acontecido, os ratos teriam morrido e nenhuma carcaça do animal foi encontrada no local”.

Fonte: Bahia Notícias.

www.portaldafolia.com www.portaldabahia.com

Participe do Nosso Grupo no Whatsapp

  Siga o Chapada Noticias no Twitter, Instagram e Facebook e fique por dentro de todas as novidades.

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

Fale conosco
%d blogueiros gostam disto: