Manifestantes ganham reforços e marcham pelas ruas de Itaetê

A ocupação da prefeitura municipal de Itaetê, na região da Chapada Diamantina, completa uma semana nesta segunda-feira (3) e ainda continua sem resolução. Os membros do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) permanecem com a manifestação, agora com reforço de mais trabalhadores rurais da região que chegaram neste final semana. Eles aguardam a prefeita Lenise Estrela (PSB) atender o pedido de reunião para debaterem com ela a pauta de demandas. De acordo com membro da organização da regional do MST na Chapada, Dianna Lima, que envia informações em tempo real para o Jornal da Chapada, os manifestantes receberam a visita do deputado federal Valmir Assunção e realizaram uma grande marcha pelas ruas de Itaetê durante o feriado.
 
“Fizemos essa marcha pelas ruas de Itaetê para dizer à sociedade o que queremos. Precisamos que as nossas crianças tenham direitos de estudar em uma escola decente e que a mesma tenha cadeiras adequadas para elas desde o Ensino Fundamental I. Que a merenda escolar seja feita no assentamento e que os assentamentos tenham um transporte para deslocamento das pessoas doentes. Precisamos ainda que viabilize um local para atendimento médico e que tenha também uma equipe médica. Esses são alguns dos pontos que têm na pauta. Isso é o que nós queremos que o município execute dentro dos assentamentos”, declara Dianna Lima.
 
Ainda de acordo com a dirigente do MST, os manifestantes estão desde janeiro tentando dialogar com a prefeita Lenise Estrela e até o momento não foram recebidos. “Entregamos um ofício solicitando uma audiência e ela não atendeu, por isso decidimos ocupar a prefeitura na tentativa de que ela nós atenda e que dialogue a pauta. Até o momento a prefeita ainda não sinalizou se vai ou não nos receber. Mas continuamos firmes esperando uma resposta dela”, completa Dianna.
 
 

Jornal da Chapada

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Fale conosco
%d blogueiros gostam disto: