Itaberaba é o município com menor número de processos trabalhistas no estado

A Vara do Trabalho de Itaberaba foi a que recebeu menos processos (534 ações) em todo o da no ano passado, segundo o CNJ (Conselho de Justiça). Na soma total do , o volume de ações trabalhistas recebidas Tribunal Regional do Trabalho da (TRT-BA) em , registrou um de 3,21% em relação ao ano anterior, com acréscimo de 3.668 processos.
Segundo os relatórios da Coordenadoria de Distribuição de Feitos de e da Coordenadoria de Estatística e Pesquisa do tribunal, de janeiro a dezembro do ano passado foram distribuídas 114.339 novas ações as 88 varas do , sendo 48,3 mil as 39 varas da e 65,9 mil as 49 varas do . Do total, 1.386 processos foram distribuídos de Processo Judicial Eletrônico da Justiça do Trabalho (PJe-JT) nas varas de Amaro, Candeias, Itabuna e Ilhéus.
No topo da lista de processos mais comuns na Justiça do Trabalho baiana, estão as reclamações trabalhistas com 92 mil casos, seguidas das reclamações do rito sumaríssimo (14,9 mil) e ações de consignação e pagamento (4,1 mil). O balanço também mostra que as varas do , com exceção de algumas unidades, ainda recebem mais processos que a . Enquanto a média de processos por vara subiu de 1.229 1.239 em (0,81%), no ela saltou de 1.279 1.346, um de quase 5% em relação a .

Melhorias

A Vara do Trabalho de Itaberaba, que atende ainda a mais 22 cidades, teve suas instalações renovadas em , graças às realizadas, em apenas 12 dias, pela administração do TRT5, com o patrocínio da Caixa Econômica Federal. Com a melhoria, a unidade passou a atender às exigências de acessibilidade, com de acesso e vaga idosos e pessoas com dificuldades de locomoção.
Sob a supervisão do Serviço de Apoio às Unidades do (SAUI), também foram realizados serviços na fachada, na , no dos juízes, na sala de espera, na sala do arquivo e na externa. Grades, portas, janelas, sentar, bebedouros e aparelhos de ar-condicionado foram instalados; foram pintadas; e o jardim, revitalizado.
Itaberaba é considerada a da Chapada Diamantina, um dos principais regionais da . Sua é baseada na (especialmente de abacaxi), no , além de indústrias de móveis, calçados e .

Fonte:Oparaguaçu

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Fale conosco
%d blogueiros gostam disto: