Banco é atacado e veículos são incendiados para obstruir estrada

Uma agência do Banco do Brasil foi atacada por criminosos durante a madrugada desta terça-feira (1º), em Simões Filho, na região metropolitana de Salvador. Houve muitos disparos após a chegada da polícia, e cápsulas de bala ficaram espalhadas pelo chão. Não há registro de feridos.

O banco, que fica no Parque Industrial do CIA, ficou parcialmente destruído pelas explosões. Parte do teto desabou e uma porta de ferro foi arrancada. Muito vidro ficou espalhado pelo chão. Conforme a polícia, os bandidos não conseguiram levar o dinheiro. Havia marcas de sangue no local do crime. A polícia suspeita que um dos bandidos tenha ficado ferido.

Segundo testemunhas, os bandidos fizeram uma barreira antes de atacar a agência. Na estrada que dá acesso ao município, veículos foram incendiados. Já perto do banco, foram encontrados miguelitos, estrutura de metal que podem furar pneus.

Um morador da região contou que o barulho de tiros e explosões foi ouvido durante a madrugada.

“A gente ouviu de madrugada, das 3h para 4h da manhã. A gente ouviu zoada, tipo granada, tipo, zoada forte. Os caras colocaram pânico aqui de madrugada. Foi um horror”

Policiais da 22ª Companhia da Polícia Militar (CIPM), que fazem ronda de rotina na região, disseram que viram os carros queimados na estrada e logo se dirigiram para a agência. No entanto, eles não conseguiram se aproximar porque havia muitos homens armados, que ao avistarem a guarnição, começaram a atirar.

O motorista de um dos veículos queimados, um caminhão, contou à polícia que foi abordado por cerca de 10 homens armados e encapuzados na estrada, ficou cerca de 1h30 refém dos bandidos e foi liberado no local onde o veículo foi incendiado. Ele disse que não houve violência, mas que os bandidos pediram que ele tirasse a camisa e não olhasse para o grupo. O celular dele também foi roubado.

Peritos da Polícia Técnica disseram que acreditam que a barreira tenha sido feita antes do assalto ser iniciado, para impedir o acesso à agência e uma possível intervenção policial.

De acordo com as informações passadas pelo gerente do banco à polícia, os criminosos instalaram explosivos na entrada da agência, no lado que dá acesso aos fundos dos caixas eletrônicos e no lado direito interno do prédio, onde ficava o cofre e a tesouraria. Segundo a polícia, o gerente contou que a explosão deixou vidros, portas, teto, paredes, janelas, grades e câmeras do cofre destruídos.

A polícia informou, ainda, que três artefatos gelatinosos foram encontrados dentro da agência, que são altamente explosivos. Eles foram retirados do local por um homem do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e neutralizados do lado de fora. As informações iniciais da polícia, no local do crime, são que o material é semelhante ao apreendido ontem em uma lancha.

O crime na região metropolitana de Salvador acontece um dia depois da apreensão de 71,5kg de explosivos, que eram transportados em uma embarcação na Baía de Todos-os-Santos.

Fonte: G1

www.portaldafolia.com www.portaldabahia.com

Participe do Nosso Grupo no Whatsapp

Curta nossa Pagina no Facebook.

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco