Temperatura segue alta em Itaberaba e pode chegar aos 35 graus

Segundo informações do Instituto Nacional de Metereologia (Inmet), a previsão do tempo para Itaberaba é de altas temperaturas para esta terça-feira (18). A máxima está prevista para 38º e a mínima para 24º.

Com as mudanças climáticas dos últimos tempos, a imprevisibilidade tem tomado conta, até mesmo, dos meteorologistas, e, na falta de aviso prévio, o cuidado com a saúde deve ser redobrado.

Pensando nisso, listamos três medidas a serem tomadas para prevenir o reflexo das mudanças climáticas na saúde:

1) Hidrate-se adequadamente

A saída mais eficiente para conter patologias ou alergias em dias de tempo seco é a hidratação adequada. A reposição de líquido mantém a mucosa das fossas nasais e da boca sempre bem hidratadas. Isso evita que substâncias alergentes entrem em contato direto com o trato respiratório e também dificulta a entrada de microorganismos no corpo por meio da respiração. É importante beber água e outros hidratantes, nessa época do ano, proporcional à nossa sede. Dessa forma, ficamos ainda mais protegidos.

2) Evite diuréticos

Embora a ingestão frequente de líquido seja importante, nem todas as bebidas contribuem com a hidratação necessária em dias de tempo seco. Opções diuréticas como chá ou cerveja e algumas marcas de refrigerante não ajudam muito, já que, em vez de hidratar, acabam estimulando a perda de fluído pelo organismo. Nesse caso, as melhores escolhas são sempre água e sucos naturais. No caso de quem faz atividade física, o cuidado com a hidratação deve ser redobrado. Por isso, pode-se fazer uso também de isotônicos, desde que haja o acompanhamento médico necessário.

3) Identifique sinais de desidratação

Para que possamos identificar possíveis ocorrências de desidratação, nesta primavera, existem alguns sinais além da sede. Entre eles estão dor de cabeça, boca seca, prisão de ventre, irritabilidade, problemas de pele, como ressecamento, eczema e dermatite, além de urina mais escura. Acordar com dor de garganta também pode indicar a necessidade de reposição de líquido. Afinal, em muitos casos, respiramos pela boca enquanto dormimos, o que permite que o ar seco dos dias quentes resseque tanto a nossa garganta como as mucosas do nosso trato respiratório superior.

 

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *