Operação Adsumus: MP cumpre mandados em Ipirá e outras seis cidades

O Ministério Público do Estado realiza na manhã desta terça-feira (11) a terceira etapa da Operação Adsumus, que investiga um esquema de fraude em licitações, peculato e lavagem de dinheiro que resultou no desvio de mais de R$ 24 milhões aos cofres públicos em Santo Amaro, no Recôncavo baiano. São cumpridos dois mandados de prisão, dois mandados de condução coercitiva e oito de busca e apreensão nas cidades de Salvador, Feira de Santana, Camaçari, Ipirá, Muritiba, Lauro de Freitas e Santo Amaro. As duas pessoas que seriam presas estão foragidas e as que são alvos da condução coercitiva ainda não foram localizadas. Participam da ação os promotores de Justiça da comarca de Santo Amaro e do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações Criminais (Gaeco), com apoio da Polícia Rodoviária Federal e do Departamento de Combate ao Crime Organizado da Polícia Civil (Draco). De acordo com o MP, a expectativa, com as conduções coercitivas, é coletar provas e indícios da atuação dos conduzidos nas empresas que aparecem como sócios, além do envolvimento com os outros investigados e empresas envolvidas no esquema. O caso envolve contratação irregular de contratação de obras, locação de maquinário e realização de serviços públicos. As investigações têm o apoio da Coordenadoria de Segurança Institucional e Inteligência (CSI) e do Centro de Apoio Criminal (Caocrim), do Ministério Público estadual.

mp-cumpre-mandados-em-ipira-e-outras-seis-cidades

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *